Eu!

Minha foto
Ex Programador.Ex IT Contractor.Hoje Artista, Terapias Alternativas e Revolucionário da minha própria vida!

domingo, 30 de maio de 2021

Post 31 de maio de 2021.

 Beleza!

Mais sobre a adaptação do freio que farei na minha hibrida meio speed.

Agora a ferradura que tenho há anos, essa ferradura é dos anos 90, é igual a do freio traseiro, só tinha retirado ela dessa bike para usar uma de ferro que ela alcançava as pistas das rodas dianteiras que colocava ai(tenho várias rodas, para mobilidade urbana uso umas mais  rígidas e com largura maior tanto nos aros como nos pneus)


Essa roda esta com a banda do pneu  ao contrario(o sentido o pneu roda está ao contrário, pois usava ele em uma bicicleta que o sensor do ciclomputador estava no lado esquerdo no garfo.) pois o sensor do ciclocomputador nessa bicicleta é do lado direito, podia até tirar o imã do raio e montar do lado do raio para que ele passasse ai com a banda do pneu certo, mas ele quebrou a parte que aperta o parafuso de ajuste no raio, até tentei comprar outro imã mas não acho em bicicletarias, tanto que usei até um pedaço de fio para ficar mais fixo.

Sem problemas, vou inclusive tirar esse pneu e colocar um outro 700X25 ou 700X28 vou escolher já que na cidade vou rodar com pneus mais parrudos, por causa das ruas terem muitos buracos e imperfeições como=Tampas de bueiros  e depressões mesmo, cheguei a passar em um buraco que o "asfalto afundou".



Esse pneu é uma verdadeira porcaria, diz que tem  fita anti-furo integrada na banda de rodagem e não dura nada, tinha comprado um par e esse é o que "sobrou" e usei um na roda traseira há alguns anos não  durou 600KM,  esse que sobrou, rodei ele algumas vezes em rodas na dianteira, pois na dianteira, pneus gastam menos.
Eu fiz até um vídeo e esta no meu canal do youtube na qual eu pego uma taxinha de sapateiro e furo um pneu igual a esse e mostro  que a tal fita "integrada"  é de "Brinquedo", o pneu sem a câmara de ar eu  mostro isso, além da tal fita não ser nada daquilo, ainda esse pneu não dura nada, dessa marca não compro mais nada.

Amanhã posto já fazendo os acabamentos no freio e talvez coloque já outro pneu na roda. 

Até amanhã!

sexta-feira, 28 de maio de 2021

Post 28 de maio de 2021.

Beleza!

Mais sobre a adaptação do freio que farei na minha hibrida meio speed, como mostrei em post's anteriores a adaptação usando uma bucha para o suporte da ferradura na altura que as sapatas ficassem na altura dos frisos da frenagem do aro não ficou bom, então resolvi fazer outra forma, alongar os suportes onde vão as sapatas de freio.

Usei essa ferradura como gabarito e também para ficar mais fácil fazer ajustes no freio, mas vou usar uma outra ferradura.


Usei alumínio para as extensões onde irão as sapatas.

Serrei os parafusos que eram longos e serviam para fixar as extensões na ferradura.





Depois que colocar na bicicleta farei os acabamentos na ferradura.


Até segunda-feira!

quinta-feira, 27 de maio de 2021

Post 27 de maio de 2021.

 Beleza!


Mais sobre a adaptação do freio que farei na minha hibrida meio speed, fui colocar a bucha com a adaptação para alcançar a ferradura o aro 700 e não ficou legal....


Fui fazer uma adaptação com essa bucha, que era usada em outra bike minha de aro 26, mas aqui não deu muito certo, tentei colocar ela dentro da parte debaixo do garfo, mas como meu garfo é standard e essa bucha estava em um garfo oversize, não deu muito  mesmo  eu serrado mais um pouco para poder entrar. 


Abaixo, cortei parte da bucha e tentei usar essa parte para ver se dava certo e nada!






 Coloquei e não deu muito certo mesmo tendo duas barras para reforço, vou usar o freio de outra forma.


Ficou muito ruim e pouco operacional, vou mudar o freio!


Até amanhã!








terça-feira, 25 de maio de 2021

Post 26 de maio de 2021.

 Beleza!

Mais sobre a adaptação do freio que farei na minha hibrida meio speed, eu tinha escolhido uma ferradura, mas  agora escolhi essa abaixo, fiz um tratamento nela agora só falta polir.



O flash clareou um pouco as fotos mas o tom é um cinza meio esfumaçado.



Até amanhã!


segunda-feira, 24 de maio de 2021

Post 25 de maio de 2021.

 Beleza!

Mais sobre a adaptação do freio que farei na minha hibrida meio speed, eu tinha escolhido uma ferradura, mas  agora escolhi essa abaixo, ela já tem a bucha para colocar na espiga do garfo, pois estava ele em uma bike hibrida de aros 26.




É algo bem simples a bucha, vou fazer ainda um corte nele para que encaixe melhor no garfo, pois essa adaptação era em um garfo over e o que vou usar agora é standard. 


Vou fazer um tratamento nele, já que ele é bem antigo, tenho esse freio desde os anos 90 e precisa refazer o tratamento nos metais(é alumínio com aço)


Até amanhã!

domingo, 23 de maio de 2021

Post 24 de maio de 2021.

 Beleza!

Mais sobre o freio que vou adaptar na minha hibrida meio road que estou dando uma reformada, já que  tirei a ferradura antiga dela que era de ferro mais alcançava a roda e essa de alumínio não.

Como podem ver abaixo o lugar onde vão as sapatas de freio não alcançam as pistas do aro para frenagem.


Vou colocar uma bucha como adaptador para a ferradura chegar no aro e frear a roda.
Vou pintar também esse garfo que uso há anos, o original dele, era de aço, bem feio e imitava carbono, era muito pesado, troquei por esse e coloquei uma ferradura de aço como postei a foto dela alguns posts atrás e até furei ela para customizar, agora vou colocar essa de alumínio. 


Até amanhã!

sexta-feira, 21 de maio de 2021

Post 21 de maio de 2021.

Beleza!

Mais sobre a adaptação do freio que farei na minha hibrida meio speed, como fui metalúrgico fiz um tratamento nessa ferradura para colocar no lugar da ferradura que tinha no garfo que era de aço.

Gostei dos resultados.




Até segunda-feira!

quinta-feira, 20 de maio de 2021

Post 20 maio 2021.

Beleza!

Mais fotos da minha hibrida que vou dar uma gabaridada nela, como o garfo dela o freio de road não dava certo, há alguns anos usei um freio de ferro de ferradura para aro 26 que casou bem no garfo, tenho o costume de fazer furos em peças de bicicletas minhas.

Gosto de bicicletas bem simples e que não chamem a atenção, até usava um carregador solar fixado sobre essa ferradura, a mão francesa esta ai na foto.





Vou usar essa ferradura ai, só vou trocar o parafuso de fixação pois ele é curto, ele é para traseira de road.



Agora a ferradura já esta com o eixo mais longo de fixação.

Até amanhã!

quarta-feira, 19 de maio de 2021

Post 19 de maio de 2021.

Beleza!

Faz alguns dias mostrei algumas rodas vintages de road que comprei, mostrei essa abaixo. como recebi  peças dos Estados Unidos usei elas nas revisões das rodas, essa dai troquei esferas de aço inox por cerâmica, recebi também kits tubeless, mas nesse aro as válvulas não casaram legais, então ontem montei essa roda com um pneu tubeless ready usando uma  adaptação na qual se usa uma câmara de ar menor(usei nesse caso uma 26) e se corta ela, ela funciona como a fita e a válvula tubeless ao mesmo tempo, ficou bom o pneu é 700X23, rodei ontem com essa roda e passei em um buraco "do outro Mundo" na Avenida Tiradentes que estava um inferno por causa da greve do Metrô, não costumo correr em São Paulo, mas tem horas que você precisa fazer isso, simplesmente a Avenida anda e para, ai o cara vem na terceira faixa da Avenida e anda bem devagar, como defesa ando atrás dele, ai me aparece do nada um buraco e olha que não é aqueles buracos que a roda entra nele e sai, é aquele que é um tipo "Vala", mas buraco a roda não entra nele ela "bate nele",que chatice, se fosse pneu com câmara mesmo colocando 110 Libras acredito que teria dado BO, mas o Tubeless passou de boa.
Esse pneu tem bastante talão e banda, praticamente é "borracha" pura, como não ganho nada de marca nenhuma?Também não escrevo a marca que é, até ensinar a fazer o "tubeless caseiro", como escrevi acima, até poderia ensinar, mas por ai está cheio de videos e artigos, também não iria ganhar nada, internet é bom para:Pedintes do Youtube, gente que coloca crianças, pessoas em situações tristes para ganharem alguma coisa e essas coisas, tu faz algo ensinando coisas úteis e pede alguma doação?=As pessoas ignoram, então?Essa gente "se merece", fora algumas " Vaquinhas" por ai que depois se descobrem que eram..... Nada daquilo....



Essa roda vintage é de rosca, tenho  catracas de speed mas preferi colocar uma de MTB, essa bicicleta tem o pedivela 52/42 e para subidas é meio pesada, o eixo traseiro estava "marcado" para catraca de 8 velocidades e com essa de 6 ficou o eixo mais espaçado em relação a catraca com  o câmbio e o encaixe traseiro , é só trocar o tubo do espaçador por um menor e colocar a porca de novo, trazendo a catraca mais para o lado do câmbio.



Ultegra dos anos 90 2X8, para usar com menos marchas é só modular nos batedores do câmbio e a tensão do cabo.
Troca normalmente com cassetes aqueles feitos para trocar marchas "mais eficiente"(ui!) que tem rebaixos, etc... ou assim mesmo mais simples de catracas(essa só tem rebaixos na ultima engrenagem)= Troca normalmente!
Uso correntes que eu faço tratamentos nelas, essa corrente (podem ver ela na foto acima) tem: 2.353,4km 



Gosto de usar carregar ferramentas em cases, uso esse que é bem simples uma ex embalagem de alimento.


Até amanhã!

terça-feira, 18 de maio de 2021

Post 18 de maio de 2021.

 Beleza!

Vou escolher um pedivela para colocar na minha hibrida que vou dar uma reformada nela, ela tinha um pedivela de MTB 48/38/28 ela era boa para subidas, como tenho essa gravel, vou tirar esse pedivela que é de road, eu que customizei ele, além de fazer esses furos, que um tipo de identidade pessoal minha ainda coloquei uma coroa de 28 dentes nele.

Gosto de coisas em ciclismo que hoje são vintages mas até o começo doa anos 2000 era usados, por exemplo o movimento central square, o ponta quadrada, antigamente bicicletas usavam ele, e para terem ideia o movimento central blindado square era até algo meio recente em 1990, antes eram=copos, o eixo e anéis  de esferas, era uma verdadeira "Bomba" com o tempo tinha que trocar os anéis de esferas, fora que muitas vezes desregulava, ai começaram a colocar uma "Bucha"de plástico no meio do eixo que deixavam os anéis de esferas mais juntos e depois apareceram os movimentos centrais selados, tanto que nos anos 90 existiam eles até em titânio, e todas as marcas usavam nas suas bicicletas movimentos centrais de ponta quadrada, podia ser o grupo Top, ou esses de pedivelas de ferro que eram os mesmos movimentos centrais.

Depois "começaram" a inventar, fazendo  a ponta dos movimentos centrais com estrias , depois simplesmente fizeram os pedivelas já com o eixo neles com furos no eixo e os "copos" alguns até presos com pressão, sem rosquear e com rolamentos selados, invetam tudo, "soluções" para por exemplo algum tempo depois você ter que trocar os rolamentos selados(Tipo Rolimã) dos movimentos centrais, eu não tenho ambições de ciclismo, então "sustentar" bicicleta isso deixei na virada dos anos 90, hoje  vi muitos vídeos de ciclismo na qual alguns "Influencer's"(no Youtube, não sou muito fã daquele lugar) contam que conhecem pessoas que pararam de pedalar pela alta nos preços de peças de ciclismo, elas sempre foram caras, para terem uma ideia em 1997 um câmbio traseiro de uma famosa marca italiana aqui custava R$55,00  o salário mínimo vi agora no Google era R$120,00, o Dollar era R$1,00, tu não pode nem comparar hoje pois o Real foi simplesmente "apunhalado" de 2016 para cá.

É só ver quanto custavam peças de ciclismo em 2015 e hoje, mesmo caras na época para o péssimo poder de compra da maioria dos brasileiros, os brasileiros a "Grosso modo e povo" tem um poder de compra muito baixo, até para comer e comprar alimentos produzidos no próprio Brasil! Que piada!

Como tive uma "Experiência"no Exterior em 1997, creiam aquilo que eu ganhava em um mês dava para comprar uma bicicleta muito boa que no Brasil era bem cara, tanto que quando voltei para o Brasil eu trouxe uma Pinarello  Monviso toda Campagnolo, depois eu vendi ela e  comprei uma Pinarello Veneto aqui, o interessante que ambas tinham movimentos centrais Campagnolo de 36mm(Italianos usam muito 36mm, franceses 35mm e o resto do Mundo usam 34.7mm) selados.

As bikes usavam mesmo com passadores egopower(são os "STI" da Campagnolo, achava até mais bonitos que os da Shimano, STI naquela época pareciam joelhos nos shifters) transmissões 2X8, as correntes eram mais grossas que as de hoje, duravam muito mais.

Depois apareceram as transmissões 2X9, que as correntes são mais finas o mais engraçado se tinha por exemplo em 2X8 cassetes com 12 a 23/25 pinhões, até 28 se achavam mais não eram muito comuns, ai fizeram 2X9=12 a 23/25! Colocaram um anel a mais no cassete, fizeram uma corrente mais fina e que dura menos e "a mesma transmissão" se contando do 1º ao 9º pinhão...

Ai tu pode pensar=Ah o escalonamento é melhor?Pode até ser! Mas antes quando era 2X 5/6,7 e 8 que usam a mesma corrente creiam eram comuns 12 ou 13  a 23 dentes nas catracas e depois cassetes  então existiam catracas de bikes de equipes profissionais que iam de 12 ou 13 a menor engrenagem a 23 isso com 5 a 7 marchas atrás...

Tive uma bicicleta com transmissão 2X9 que a corrente durou 1.500KM! Brincadeira né? Vendi e voltei ao 2X7 e 8.

Até hoje uso bicicletas que usam corrente grossas, olha que tenho uma Speed com Ultegra de 2X8 dos anos 90, hoje esse grupo  é 2 X11!Usam correntes mais finas que duram menos mas o cassete ele é até mais aliviado para marchas leves, afinal são 11 anéis e o maior é 32 dentes.


Para vocês terem uma idéia uma corrente 11V de "marca" esta na casa dos R$400,00 uma corrente 116 elos de 5 a 8 velocidades custa R$20,00 e passa normalmente com os passadores, eu uso. até os anos 90 eram assim, tu podia ter uma bike toda Dura Ace e se sua corrente quebrasse, podia ir em uma bicicletaria de Bairro e comprar a mesma corrente que uma bike de 18 velocidades de "mercado"  usava.

Nada tenho contra "Modernidades e tecnologias" afinal?Sou programador, mas tem "evoluções" muito estranhas.... interessante que equipamentos teoricamente "evoluem"que tempos em ciclismo não "diminuem".




Gosto de bicicletas bem simples e que não chamam atenção, aqui no Brasil essa piada, vagabundos tem mais direitos que você, então? Não é bom facilitar né?

Até amanhã!


domingo, 16 de maio de 2021

Post 17 de maio de 2021.

 Beleza!

Vou dar uma reformada nessa minha bicicleta, é uma hibrida, mais para road. gosto de bicicletas bem simples que não chamam a atenção.

Essa bicicleta é bem leve, já viajei com ela até São Carlos, Indaiatuba e pedalava sempre na Rodovia dos Bandeirantes.



Vou colocar uma extensão no garfo para usar  uma ferradura de alumínio, vou pintar o garfo também, quando comprei essa bicicleta ela veio com um  garfo de ferro bem pesado.


Vou colocar um pedivela de 3 coroas.

Até amanhã!

sábado, 15 de maio de 2021

Post 16 de maio de 2021.

 Beleza!

Continuando a mostra as revisões que fiz na roda vintage de road bike(speed) que comprei há algum tempo.

Esse furo da válvula como era para presta e agora a válvula que tenho para tubless é meio grossa (para poder repor o selante tirando com a chave o núcleo dela) precisei usar muita paciência para alargar o furo, esse aro é 700X14.

Depois vou polir essa parte sem tinta do aro que eu tirei e vou passar uma tinta reflexiva nela.



Até segunda-feira!


quinta-feira, 13 de maio de 2021

Post 13 de maio de 2021.

 Beleza!

Ando meio ocupado,  amanhã acho que vou conseguir a postar a mostra as revisões que fiz na roda vintage de road bike(speed) que comprei há algum tempo.

Eu tenho Canal no Youtube, às vezes vejo coisas no Youtube que acho “estranhas”, por exemplo:Pessoas que viajam de Kombi, Kombi até em logística é algo meio complicado por exemplo para agregar, preferem; Furgões que a Kombi, essa senhora aqui no vídeo ao meu ver foi muito sincera, eu acredito que muitos desses “viajantes” e outras coisas  são mais atores que realmente alguém que “bota a cara no Mundo”.



 

Até amanhã!


terça-feira, 11 de maio de 2021

Post 11 de maio de 2021.

 Beleza!

Continuando a mostra as revisões que fiz na roda vintage de road bike(speed) que comprei há algum tempo.

Esse furo da válvula como era para presta e agora a válvula que tenho para tubless é meio grossa (para poder repor o selante tirando com a chave o núcleo dela) não há cão que consiga fazer ele da largura da válvula! Oh coisinha chata e carniça!

Já fiz uns 100 ajustes e  ainda não passa direito a válvula, vou usar uma furadeira e acabou....


Como escrevi ontem nesse local vou deixar ser pintura preta e depois fazer uns efeitos reflexivos ai, já comecei a tirar a tinta preta do aro, nessa parte.








Até amanhã!